Português Inglês Espanhol

Análise de Ementas de Disciplinas de Avaliação Psicológica: Novos Tempos, Velhas Questões

23/03/2020

A avaliação psicológica consiste em uma prática restrita aos psicólogos brasileiros, sendo uma tarefa complexa que almeja a avaliação global ou específica de um aspecto da pessoa (emocional, comportamental, cognitivo e social) com a finalidade de conhecer seu funcionamento psicológico. Para a realização desse processo, pode-se fazer uso de uma variedade de recursos, dentre eles entrevistas, observações e aplicação de testes psicológicos.

Para auxiliar na formação em Avaliação Psicológica, o IBAP criou diretrizes com 27 habilidades mínimas para serem desenvolvidas pelos estudantes ao longo de sua formação básica. Assim, o objetivo do estudo proposto foi realizar um levantamento e analisar as ementas dos cursos de Psicologia do país voltadas para o ensino de avalição psicológica, tomando como base o artigo com as Diretrizes para Ensino de Avaliação Psicológica.

 

Highlights

  • Foram analisadas ementas de cursos de graduação em Psicologia de instituições brasileiras públicas e particulares.
  • A seleção resultou em 478 ementas dentre as disponibilizadas por e-mail e no site da instituição.
  • Há 790 cursos de graduação cadastrados no site do MEC, sendo o Sudeste a região com maior número de cursos cadastrados.
  • No que se refere ao momento das disciplinas no decorrer do curso, elas variaram entre primeiro e nono semestre. O período com maior frequência de disciplinas foi o quinto semestre.
  • Em relação à carga horária, as disciplinas acessadas variaram entre 30 e 240 horas (M=64,32; DP=24,0); as mais frequentes foram 60 horas (n=184; 34,1%), 80 horas (n=86; 15,9%) e 40 horas (n=38; 7%).
  • Em relação à distribuição das disciplinas ao longo do curso e de acordo com o conteúdo, tem-se disciplinas teóricas do 1º ao 9º semestre, com maior frequência nos 4º, (n=63) 5º (n=73) e 6º (n=55) semestres.
  • As disciplinas que apresentaram conteúdo de caráter prático estiveram presentes do 1º ao 10º semestre, com aumento de frequência a partir do 5º semestre e redução no 8º semestre.
  • Maior carga para disciplinas práticas (M=73h), seguida das exclusivamente teóricas (M=64h) e ética (M=52h).
  • A categoria mais frequente foi Avaliação Psicológica (processo, objetivo, prática), compreendendo conteúdos relacionados a processo, avaliação dos fenômenos humanos, planejamento adequado da avaliação, além do conhecimento dos diferentes contextos, possibilidades e limitações das técnicas usadas na avaliação psicológica.
  • Ainda que se tenha avançado em com algumas disciplinas, em outras, observa-se a predominância de uma abordagem tecnicista e pouco reflexiva.
  • Percebe-se que a formação atual ainda se distancia da proposta de Nunes et al. (2012).

 

Referência:

Ambiel, R. A. M.; Zuanazzi, A. C.; Sette, C. P.; Costa, A. R. L. & Cunha, F. A. (2019). Análise de Ementas de Disciplinas de Avaliação Psicológica: Novos Tempos, Velhas Questões. Avaliação Psicológica, 18(1), 21-30. https://dx.doi.org/10.15689/ap.2019.1801.15229.03

Acessar em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/avp/v18n1/04.pdf

Mural

Escritório Virtual do IBAP trabalhará em Home Office

A partir de 19/03/2020

Webinar Psicopatia: modelos e avaliação